Ads Top

É mais fácil deixar ir do que continuar vivendo uma mentira.


Leia ao som de:
SEAFRET - ATLANTIS (I CAN'T SAVE US)



E então tudo muda. A vontade de fugir cresce a ponto de não poder mais ignorá-la.


Não de uma hora pra outra. Você acompanhou todo o processo calada e não sabe ao certo o que fazer agora.

E a pergunta que ecoa na sua cabeça é: “por que ainda estou aqui?” Sua mente te responde quase instantaneamente: “Você já não tem forças pra sair”.

Então você permanece, e engole calada cada palavra que poderia ter falado pra dar um jeito de vez, pra dar ao menos um ponta pé inicial no processo doloroso que é se desfazer de um amor que já deixou de ser. 

Mesmo com o coração pedindo, implorando, você o ignora e tenta suportar um pouco mais o que já é insuportável.

O coração dói e te faz pensar em infinitas coisas, você lembra do começo de tudo, pensa em como vocês lutaram pra fazer dar certo até ali, até aquele momento em que você não consegue enxergar outra alternativa a não ser desistir.

E então você decide ir embora, e cospe cada palavra que ficou guardada.

Cada sentimento reprimido durante meses vem à tona. Por um momento, você pensa que nada daquilo está acontecendo. A ficha demora a cair. E quando cai, você para por alguns segundos, tenta segurar o grito guardado em forma de choro que vem vindo.

E então, você derrama as lágrimas que precisa derramar, você pensa em sumir de vez, em voltar no tempo pra evitar aquele encontro no qual você se apaixonou de vez por ele ou que provavelmente nunca mais dará certo com alguém.

Não é fácil, como dizem ou fazem parecer por aí, mas no fim, quando tudo passa, você acaba percebendo que é mais fácil desistir daquilo tudo do que continuar vivendo uma mentira que insiste em ser verdade.



- Allison Christian Freitas

Para me seguir no facebookclique aqui






© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS AO AUTOR DO TEXTO
Tecnologia do Blogger.